BusinessObjects

O blog do Consultor BO

Distribuição dos serviços APS (Adaptative Processing Server)

Neste post vou abordar sobre os serviços APS (Adaptative Processing Server) e a distribuição deles. A distribuição dos serviços APS potencializa o desempenho e o consumo de recursos do servidor BO. Essa medida resolve o problema da mensagem de erro “Java Heap size”.

Java Heap: é onde os objetos de um programa Java ficam. É um repositório de objetos vivos, objetos mortos e memória livre. Quando um objeto não pode ser acessado a partir de qualquer ponteiro no programa em execução, ele é considerado “lixo” e pronto para o famoso Garbage Colletor. O tamanho de JVM heap determina quantas vezes e quanto tempo o VM gasta com a coleta de lixo. Se você definir um tamanho grande, a coleta de lixo completa será mais lenta, mas ocorrerá com menos frequência. Se você definir o tamanho da pilha de acordo com as suas necessidades de memória, a coleta de lixo completa será mais rápida, mas ocorrerá com mais frequência.

Ocorre que na instalação padrão do BO temos apenas 1 APS com todos os 23 serviços pendurados nele com a memória inicial (-xms) de 32MB e a memória final (-xmx) de 1GB. Inicialmente funciona bem, mas a partir do momento em que se utilizam relatórios em Web Intelligence com um grande volume de dados, por exemplo – principalmente quando se trabalha com conexões BICs (BW+BO) – esses valores são baixos de mais.

Existem várias metodologias utilizadas na criação de vários APS. Além disso, cada sub-serviço está configurado para alocar entre 1GB e 2GB por serviço. Isto significa que o APS desmembrado exigirá em torno de 25GB por si só.

Os serviços de APS são:

  • Adaptive Connectivity Service
  • BEx Web Application Service
  • Client Auditing Proxy Service
  • Custom Data Access Service
  • Data Federation Service
  • Document Recovery Service
  • DSL Bridge Service
  • Excel Data Access Service
  • Insight to Action Service
  • Lifecycle Management Clearcase Service
  • Lifecycle Management Service
  • Monitoring Service
  • Multi Dimensional Analysis Service
  • Platform Search Service
  • Publishing Post Processing Service
  • Publishing Service
  • Rebean Service
  • Security Token Service
  • TraceLog Service
  • Translation Service
  • Visual Difference Service
  • Visualization Service
  • Web Intelligence Monitoring Service

Para encontrar esses serviços é simples:

  1. Logar no CMC
  2. Abrir o módulo “Servers”
  3. Encontrar o servidor “SIA1.AdaptiveProcessingServer” no “Servers List”
  4. Clicar com o botão direto sobre ele e clicar na opção “Edit Commom Services”

A SAP recomenda a divisão dos serviços de APS em vários APS de serviços menores divididos por área funcional. Isto irá reduzir significativamente o consumo e a sobrecarga de recursos, maximizando a flexibilidade de administração, oferecendo a capacidade de parar e desabilitar serviços de APS não utilizados para funções específicas que não estão em uso.

Essa é a proposta de divisão dos serviços APS por área funcional:

<<Área Funcional>> | <<Nome do Servidor>> | <<Memória Recomendada (xmx)>>

  • Servidor 1
  • Servidor N

DSL Bridge Services | SIA1.DSLBridgeAPS | 8GB

  • DSL Bridge Service
  • Wed Intelligence Monitoring Service
  • Security Token Service

Publishing Services | SIA1.PublishingAPS | 4GB

  • Publishing Post Processing Service
  • Publishing Service

Web Intelligence Services | SIA1.WebIntelligenceAPS | 4GB

  • Rebean Service
  • Web Intelligence Monitoring Service
  • Document Recovery Service
  • Custom Data Access Service
  • Excel Data Access Service

Charting Services | SIA1.ChartingAPS | 2GB

  • Visualization Service

Analysis Services |SIA1.AnalysisAPS |8GB

  • Multi Dimensional Analysis Service
  • BEX Web Application Service

Data Federator Services | SIA1.DataFederatorAPS | 3GB

  • Data Federation Service

Monitoring Services | SIA1. MonitoringAPS | 1GB

  • Monitoring Service

Client Auditing Proxy Services | SIA1.ClientAuditingProxyAPS | 512MB

  • Client Auditing Proxy Service

Adaptive Connectivity Services | SIA1.AdaptiveConnectivityAPS | 1GB

  • Adaptive Connectivity Service

Miscellaneous Services | SIA1.MiscellaneousAPS | 1GB

  • Security Token Service
  • Translation Service
  • Insight to Action Service

Platform Search Services | SIA1.PlatformSearchAPS | 3GB

  • Platform Search Service

Lifecycle Management Services | SIA1.LifecycleManagementAPS | 2GB

  • Lifecycle Management Service
  • Lifecycle Management Clearcase Service
  • Visual Difference Service

Obs.: O TraceLog Service é adicionado automaticamente a cada APS criado, portanto não o incluí na lista para não ficar uma coisa redundante.

Esse exemplo foi um caso de distribuição total, porém podemos distribuir os APS conforme o que for interessante para o ambiente. Exemplo: Para um ambiente em que se utiliza muito Web Intelligence e Analysis Edition for OLAP e não se utiliza de universos, ao mesmo tempo em que se tem foco em publicações e não em auditoria. Para esse ambiente, a proposta é:

DSL Bridge Services | SIA1.DSLBridgeAPS | 8GB

  • DSL Bridge Service
  • Wed Intelligence Monitoring Service
  • Security Token Service

Publishing Services | SIA1.PublishingAPS | 4GB

  • Publishing Post Processing Service
  • Publishing Service

Web Intelligence Services | SIA1.WebIntelligenceAPS | 4GB

  • Rebean Service
  • Web Intelligence Monitoring Service
  • Document Recovery Service

Analysis Services |SIA1.AnalysisAPS |8GB

  • Multi Dimensional Analysis Service
  • BEX Web Application Service

Others |SIA1.OthersAPS |8GB

  • Document Recovery Service
  • Custom Data Access Service
  • Excel Data Access Service
  • Visualization Service
  • Data Federation Service
  • Client Auditing Proxy Service
  • Monitoring Service
  • Adaptive Connectivity Service
  • Security Token Service
  • Translation Service
  • Insight to Action Service
  • Platform Search Service
  • Lifecycle Management Service
  • Lifecycle Management Clearcase Service
  • Visual Difference Service

Agora vem a grande pergunta: Como eu configuro isso?

Vou mostrar passo a passo como criar um APS e alterar o respectivo parâmetro de memória, o xmx. Os demais APS seguem os mesmos passos.

Uma boa prática é não alterar o Adaptative Processing Server original da instalação do BO. Você pode fazer isso, mas não recomendo. Faça uma cópia (Clone), crie um novo, mas não altere o APS original. Para as recomendações acima, você irá criar novos servidores. Quanto ao APS original, você pode simplesmente desabilitá-lo e pará-lo, caso você tenha algum problema e tenha devoltar a configuração original, então é só desativar e parar seus novos servidores e reativar e iniciar o servidor APS original.

1) Entrar no CMC com uma conta administradora;

2) Ir à seção “Organize”, clique em “Servers”:

3) Neste exemplo, iremos criar um novo servidor chamado “DSL Bridge”. Clique com o botão direito sobre “Server Categories”, selecione “New” e, depois, “New Server”, ou, no menu “Manager”, selecione “New” e “New Server”:

4) Na tela “Creating New Server”, em Service Category, selecione “Connectivity Services”, e em Select Service selecione “Adaptative Connectivity Service”:

5) Selecione os serviços que você precisa na lista “Available Additional Services”, e passe-os para a lista “Selected Services” através do botão “>”:

6) Depois de selecionar os serviços desejados, clique em “Next”;

7) Selecione o Nó em que deseja incluir o novo servidor e atribua um nome para esse servidor, no caso, “APS_DSLBridge”:

Obs.: É uma boa prática nomear o servidor precedido do nome do Nó, ou seja: <<nomedonó>>.APS_DSLBridge. Esse é o padrão dos servidores originais de instalação do BO.

8) Clique em “Create” para criar o novo servidor. Esse novo servidor irá aparecer no “Server List” parado e desabilitado;

9) Para alterar o valor de memória é necessário entrar nas propriedades do servidor (Botão direito sobre o servidor > “Properties”). Na propriedade “Command Line Parameters”, altere o parâmetro “-Xmx1g” para “-Xmx8g’:

10) Pronto, agora é só habilitar e inicializar o servidor!

 

Referências:
Business Intelligence 4.x APS (Adaptive Processing Server) Service Distribution
Sizing and Deploying SAP BusinessObjects BI 4
Best Practices for SAPBO BI 4.0 Adaptive Processing Servers

, , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *