BusinessObjects

O blog do Consultor BO

Dicas para construção de consultas BEx eficientes para SAP BusinessObjects # Parte 1

Para quem trabalha com BO + BW a versão do BO 4.0 trouxe grandes mudanças nessa conversa entre BO e BW. Na versão 3.1 utilizava-se Universos para conectar ao cubo ou a uma consulta BEx, porém na versão 4.0 as conexões com consultas BEx são feitas diretamente das ferramentas, ou seja, o Web Intelligence por exemplo agora se conecta diretamente a consulta BEx sem passar por Universos. Eu particularmente acho que muita coisa tem para evoluir entre BO e BW, porém, a integração na versão 3.1 era praticamente nula, na versão 4.0 o cenário melhorou.

Essas são dicas que eu reuni do SDN e fiz alguns ajustes (já que nem todas as dicas estavam corretas ou completas) e peguei umas imagens novas.

Use Características Livres

Cada característica utilizada em linhas ou colunas aumenta o detalhe dos dados, quer seja utilizado em BO ou não. Portanto, o desempenho de consultas diminui com o aumento dos níveis de detalhes. Em vez de usar as características em linhas e colunas, é muito mais eficaz usá-las como Características Livres. Você pode fazer um drill down nos relatórios do BO para os níveis de detalhes necessários usando as Características Livres. Em vez de manter algumas características nas áreas de “linhas / colunas”, o recomendado é colocá-las na área de Características Livres.
Características Livres

Use fórmulas ou índices calculados para  cálculos da consulta BEx

O BW apresenta desempenho melhor do que BO quando se trata de manipulação de resultados. Por esta razão, é recomendado fazer todos os cálculos em consultas BEx com fórmulas ou Key Figures calculadas. Isso aumenta o desempenho de relatórios e painéis do BO, bem como a facilidade de utilização das estruturas. Como mostrado na figura, você pode criar uma Key Figures calculada a partir do painel esquerdo ou você pode criar uma nova fórmula em Key Figures na própria consulta.

Restringir dados diretamente na consulta BEx

Restringir os dados diretamente em uma consulta BEx diminui o número de registros que o BW recupera e consequentemente aumenta o desempenho dos relatórios no BO. Você também pode usar variáveis ​​BEx que estão transformados para parâmetros no BO, como Fornecedor conforme a figura. Variáveis ​​na consulta BEx carregam a lista de valores (LOV) no BO automaticamente.
Restrições de Características

Usar variáveis na consulta BEx para parametrização no BO

Quando você atualizar a LOV em um relatório no BO, o sistema recupera os valores do BW a partir de tabelas de dados mestre ou InfoProviders, dependendo da configuração no BEx Query Designer. Nas propriedades características, na sessão “Seleção de valor do filtro na execução de query”, selecionar a opção “Somente valores do InfoProvider”, você irá aumenta o desempenho das telas de prompt.
Propriedades da Característica

Autorizar acesso externo a consulta BEx

Os sistemas externos não podem usar consultas no BW, ao menos que você autorize o acesso. Para autorizar o acesso externo a uma consulta, selecione a opção “Autorizar acesso externo a esta query” na guia “Ampliado” da área de propriedades da consulta. Ao criar uma nova consulta essa configuração vem desmarcada por padrão.
Propriedades da Query

Utilizar seleção elementos estrutura

Consultas BEx pode conter vários elementos de estrutura (por exemplo, números e características essenciais), mas nem todos elas são utilizadas nos relatórios BO. Em vez de recuperar todos os elementos da estrutura, recuperando apenas os elementos utilizados no relatório e aumenta o desempenho de sua consulta. Para fazer isso, vá para transação RSRT e selecione a opção “Utilizar seleção elementos  estrutura” na guia “Características”. Isso aumenta seu desempenho de consulta quando você tem muitas Key Figures calculadas e outros cálculos na consulta.
RSRT - Características da Query

 

Logo mais teremos mais dicas…

Referências:
7 Tips for Building Efficient BEx Queries for SAP BusinessObjects

, , , , , ,

One thought on “Dicas para construção de consultas BEx eficientes para SAP BusinessObjects # Parte 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *